Era uma vez…

Era uma vez uma mulher muito bonita, simpática, culta e saudável, ela contava da sua vida no salão de beleza enquanto fazia as unhas e o lindo cabelo. Ela dizia da sua história com os três filhos que estavam dando muitos problemas, o casamento estava problemático, a relação com a sogra era um problema, a sua saúde estava problemática e quando ela andava de carro ela achava o trânsito paulistano um problema, também.

Conversou um bocado, falou tudo para a manicure, depois para a pedicure, depois para o cabeleireiro e, por fim, para a recepcionista.

Ah, ela achou o cabelo um problema, não gostou muito e também a cor da unha não ficou muito legal, mas…

Ela foi embora e, quando chegou em casa, disse para a família que estava voltando tão bem, que ir ao salão a fazia muito bem, que era uma terapia, que ela deveria, inclusive, fazer isso mais vezes!

No salão, a manicure ficou pesada qual chumbo, a pedicure parecia atropelada, o cabeleireiro parecia que havia sido atropelado e a recepcionista desistiu de sair e preferiu ficar em casa assistindo a um drama.

E nós é que somos doentes? Tem gente que não é doente, que adoece.

A doença que existe em nós nos faz melhor, mais fortes, mais lúcidos e conscientes, nos força a nos alimentar bem, a fazer atividades físicas e sermos menos neuróticos. Eu às vezes acho que doente eu era antes, que a Espondilite Anquilosante me curou!

Cure-se também. Qual é a sua Espondilite?

#Eluar #doençasreumaticas #apoioaopaciente #apoio #grupodeapoio#espondilitebrasil


Luciana Ribeiro

Luciana Ribeiro, paulistana, apaixonada por Santos, 45 anos, casada, mãe da Nadja e da Mayra. Contadora, diretora da empresa Zloti Assessoria empresarial Ltda., diretora da empresa FAZ - Sistema de Gestão e Treinamentos Profissionalizantes Ltda. e Presidente do Instituto Eluar, com muito orgulho. Paciente de Espondilite Anquilosante e com ela adora fotografar.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.